Sebrae

Estudo inédito revela os perfis de líderes brasileiros

Realizado pelo Polo de Liderança Sebrae, levantamento identificou 13 perfis de liderança e seus impactos no ambiente dos micros e pequenos negócios

O estudo “Lideranças brasileiras: Perfis que impactam o Ambiente dos Pequenos Negócios” foi apresentado durante o Líderes em Movimento, nesta quarta-feira (29), evento organizado pelo Sebrae. Os dados coletados nas cinco regiões brasileiras, possibilitaram o mapeamento de 13 perfis principais de liderança e suas características. 

A pesquisa apresentada pelo diretor de Operações do Sebrae/PR, Julio Cezar Agostini, levantou os seguintes perfis: líder de comunidade; de diversidade e inclusão; de economia sustentável; de planejamento público; de representação empresarial; do ambiente digital; do ecossistema de inovação; do terceiro setor; empresarial; investidor; político; produtor de conhecimento; e rural. O conteúdo geral da pesquisa pode ser acessado aqui

O perfil do líder empresarial foi o com maior representação numérica no Brasil e se destaca por sua conexão e presença nas associações comerciais de suas localidades. Nas regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, o representante empresarial ficou na segunda colocação. Nas regiões Norte e Nordeste, respectivamente, o perfil de líder sustentável e o de planejamento público ficaram como o segundo perfil com maior base de líderes. 

Diretor de Operações do Sebrae/PR, Julio Cezar Agostini, detalhou o estudo

Entre as 13 personas, a presença feminina foi maioria em duas delas entre as lideranças de diversidade e inclusão, aquela que busca a integração para desenvolver uma sociedade mais receptiva e igualitária, e de líder de planejamento público, sendo representadas, respectivamente, por 55% e 54%. Os resultados da pesquisa também trazem dados de escolaridade, distribuição geográfica, representatividade por região, proximidade com o Sebrae, insights e a relevância dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para o líder. 

“O papel do líder empresário é fundamental neste atual cenário do país. Esses profissionais terão o papel de estruturar novos caminhos para o desenvolvimento do país, abrindo novos caminhos na geração de oportunidades para as cidades brasileiras. O Sebrae atua fortemente na formação desses líderes por meio de projetos que se refletem na qualidade de vida dos cidadãos”, explica o presidente do Sebrae, Carlos Melles. 

MPE 

Outro ponto do estudo identificou o envolvimento das lideranças com a causa das pequenas empresas. As respostas foram calculadas em uma escala entre 1 e 10. 

O líder do ecossistema de inovação, persona ligada à tecnologia e que se preocupa com a produção tecnológica do País, ficou em primeiro com a nota de 7,8. Em seguida, os perfis de líder do ambiente digital, perfil que possui grande comunicação com seu público e que está à frente das mudanças tecnológicas e sociais, e o líder investidor, atento às mudanças ocasionadas no setor por conta da pandemia e a expansão prevista para sua área, estão na sequência e alcançaram avaliação de 7,2. 

Para avaliar a contribuição com os pequenos negócios, a pesquisa considerou a realização de projetos de auxílio e suporte ao empreendedorismo; projetos de apoio à comunidade empresarial e setorial; projetos de estímulos à inovação e sustentabilidade no ambiente de negócios; e o debate sobre pequenas empresas e a presença do empreendedorismo nos debates da instituição em que representa. 

Metodologia 

Iniciado em setembro de 2020 e finalizado em julho de 2021, o estudo foi elaborado pelo Polo de Liderança do Sebrae e contou com quatro etapas. A primeira foi de planejamento, onde foi estudada e formatada a proposta, além da elaboração de um modelo de persona como hipótese. O passo seguinte, a pesquisa para coleta de dados, foi dividida em duas fases. A primeira foi quantitativa e recebeu 1077 respostas de forma online. A seguinte teve um olhar quantitativo. Ao todo, 99 pessoas foram entrevistadas a fim de levantar as informações necessárias para o desenvolvimento da ferramenta de diagnóstico.