Inovação

Moeda virtual e aplicativo fomentam a educação financeira e o empreendedorismo em Bituruna

Projeto de educação empreendedora estimulou ação onde estudantes ganham Biturunecas por atividades desenvolvidas em sala de aula

O aplicativo PoupeUp é a grande novidade nas escolas da rede municipal de ensino de Bituruna, no sul paranaense. Lançado no dia 26 de março, a ferramenta é a evolução do projeto Empreende Bituruna – Material Escolar, que teve início no ano passado. Da parceria entre a Prefeitura Municipal e o Sebrae/PR, no Programa de Educação Empreendedora, surgiram as Biturunecas, que em 2018 eram cédulas de papel. Agora, a moeda é virtual e passa a ser creditada nas contas dos estudantes. 

“Transformamos a entrega dos materiais escolares que são fornecidos às crianças em um projeto maior. Agora, de forma virtual, inserindo na vida das crianças essas ferramentas tecnológicas tão importantes”, relata Claudinei de Paula Castilho, prefeito de Bituruna. 

A secretária de Educação do município, Niucelene Isoton, adianta que o PoupeUp será utilizado em oito escolas e um centro de educação infantil, somando 1.600 alunos. Os estudantes poderão utilizar o aplicativo em dispositivos móveis e em computadores nas escolas. Com a tecnologia, a intenção é trabalhar conteúdos como empreendedorismo, educação financeira e inovação. 

Biturunecas são trocadas por materiais escolares na rede municipal

Amanda Schultz, aluna do 5º ano da Escola Paulo Roberto Geyer, mostra-se animada com a novidade e a possibilidade de seus pais acompanharem as atividades em sala de aula. “Aprenderemos a poupar e utilizar nosso dinheiro da melhor forma possível, tornando-nos futuros empreendedores. Assim como eu, a maioria das crianças também gostou do aplicativo", declarou aos presentes na solenidade de lançamento, revelando que não vê a hora de ir às compras. Estojos e mochilas devem ser os sonhos de consumo da garotada. 

Para Elizandro Ferreira, consultor do Sebrae/PR, a parceria com o município de Bituruna está apresentando os resultados projetados. “Os programas de Educação Empreendedora e Startups fomentaram a digitalização de um projeto que culminou em um aplicativo funcional, validado e devidamente implementado pelo município”, constata Elizandro. 

Tecnologia criada ‘em casa’

O Sebrae/PR participou da iniciativa com metodologias de educação empreendedora e Programa de Startups. O PoupeUp surgiu em 2018, em uma maratona de programação, o Hackathon Bituruna, com a participação de 80 pessoas, entre acadêmicos de instituições de ensino como as unidades de Palmas e União da Vitória da IFPR; a Uniguaçu, de União da Vitória; a Faculdade Mater Dei, de Pato Branco; e a UTFPR - Câmpus Pato Branco, além profissionais de diversas áreas e empreendedores. 

Daniel Cristiano Volanick, Nubia Gabrieli Kukla, Jessica Fernanda Chaves, Rodolfo Kuskoski e Rodrigo Balaban Zbytkowski são os criadores do aplicativo PoupeUp. 

“O Sebrae/PR e a Prefeitura de Bituruna disponibilizaram toda a estrutura, física e de pessoal, além dos mentores, e oportunizaram o surgimento desta solução, auxiliando em ideias e orientações”, completa Nubia Gabrieli Kukla.

 

Contato para a imprensa:
Assessoria de Imprensa Regional Sul: Antônio Menegatti - (46) 99912-9002
Adriano Oltramari – (41) 3330-5895

 

 

 

Tags: Sebrae/PR, educação, educação empreendedora