Formação

Sebrae lança Polo de Liderança na Regional Sul do Paraná

Duzentos líderes de municípios do sul e sudoeste do Estado prestigiaram o lançamento, em Pato Branco

Empresários, empreendedores e integrantes do poder público estiveram reunidos em Pato Branco, nesta quarta-feira (27), no lançamento do Polo de Liderança Sebrae. Cerca de 200 pessoas participaram da programação com atividades e palestras, no centro de eventos Gabanna Jardins. O principal palestrante do dia foi o navegador, explorador e escritor Amyr Klink, que falou sobre “O Líder Desbravador”. 

Os participantes também conheceram as histórias inspiradoras da jornalista Simone Freire, fundadora do movimento Web para Todos, para a inclusão digital das pessoas com deficiência, e de Rene Seifert, professor da UTFPR, em Curitiba, e produtor de pães artesanais com o conceito de “Economia da Dádiva: leve e retribua quando e como puder”. A agenda teve ainda Marilda Corbellini, doutora em empreendedorismo e especialista em liderança, que abordou o tema “A construção coletiva exige Inteligência Emocional”. 

Amyr Klink falou de suas experiências como navegador e explorador, que acabaram resultando em negócios, como a construção de barcos para terceiros. Para ele, os empreendedores precisam seguir o processo de transformar ideias em projetos. 

“É preciso ter foco, executar e gerar resultado. No Brasil, não se faz isso de forma sistematizada”, aponta. Klink acrescenta que a conjuntura econômica não colabora com quem empreende. “Vivemos em um país complicado, com muitos problemas burocráticos e econômicos. Quem está no mercado procura a sobrevivência, não a eficiência. É preciso estar atento ao cenário e usar a criatividade.” 

A coordenadora estadual do Polo de Liderança Sebrae, Rosângela Angonese, adianta que o Programa oferecerá conteúdos como cursos, treinamentos, palestras e outras atividades durante o ano. O incentivo à formação de redes de contato entre os líderes também é uma das estratégias adotadas.

“O desenvolvimento de uma região, de um país, se dá pela força da liderança. Líderes preparados, com mais conhecimento, certamente conseguirão articular e mobilizar para o desenvolvimento local. O interesse do Sebrae é que isso repercuta no contexto das micro e pequenas empresas, para propiciar melhor ambiente de negócios, com geração de emprego e renda”, contextualiza Rosângela Angonese. 

Cesar Giovani Colini, gerente da Regional Sul do Sebrae/PR, relata que a estratégia é qualificar e formar novas lideranças nas regiões e impulsionar os Comitê de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas do Iguaçu, Sudoeste e Fronteira para promover o desenvolvimento territorial. 

“O Sebrae acredita que o desenvolvimento não ocorre por acaso. É preciso ter objetivos claros, alianças estratégicas e muito trabalho, com pessoas éticas e preparadas para liderar causas fundamentais para o desenvolvimento dos pequenos negócios e para o crescimento econômico e social da nossa região”, pontua Colini. 

Para o presidente da Cacispar, Carlos Manfroi, a iniciativa do Sebrae/PR merece reconhecimento e adesão. 

“É fundamental qualificar os líderes regionais e preparar novas lideranças. O verdadeiro líder não é aquele que trabalha em causa própria, mas em prol do bem comum, com bons propósitos”, reflete.

Manfroi ressalta que, nos dias atuais, é difícil encontrar pessoas que queiram trabalhar em conjunto. “O Sebrae sabe como construir um ambiente de integração e promover a cultura da cooperação”, completa o presidente da Cacispar. 

Território Iguaçu

Uma comitiva com 20 pessoas do Território Iguaçu também acompanhou a programação do lançamento do Polo de Liderança Sebrae, com representantes do Poder Público e iniciativa privada de São Mateus do Sul, União da Vitória e Bituruna. O prefeito de São Mateus do Sul, Luiz Adyr, foi um dos integrantes e salientou a oportunidade de ampliar conhecimentos e contatos. 

“Todos aqui são líderes nas suas atividades. Mas, temos que nos aprimorar, adquirir novos conhecimentos sempre. A integração proporcionada pelo Sebrae de conversar com pessoas de segmentos e opiniões diferentes traz aprendizado para aplicar nas nossas cidades”, analisa o prefeito de São Mateus do Sul. 

Programa além da Fronteira

O evento em Pato Branco recebeu também uma comitiva da Fronteira, de municípios sudoestinos que fazem divisa com a Argentina. Da cidade de San Antonio, no país vizinho, veio a professora Tamara Solange Suarez, que atua na rede pública de Educação. Tamara tem a convicção de que o desenvolvimento de líderes é fundamental para a economia transfronteiriça. 

“Desde 2017, integramos o projeto Fronteiras Cooperativas, que tem princípios semelhantes, como a visão de território. A expectativa é de continuar minha capacitação”, finaliza Tamara.

 

 

Contato para a imprensa:
Assessoria de Imprensa Regional Sul: Antônio Menegatti - (46) 99912-9002
Adriano Oltramari – (41) 3330-5895 
 

 

 

 

Tags: Polo de Liderança Sebrae, Sebrae/PR