Inteligência artificial

Startup ganha mercado com robôs para atendimentos e cobranças on-line

Empresa paranaense registrou aumento de 80% na procura durante a pandemia

A quarentena decorrente da Covid-19 resultou em demanda por mais atendimentos digitais. Com muitos colaboradores em regime de home office, as comunicações internas e externas tornaram-se desafios para muitas empresas. A Salt Systems, de Pato Branco, no sudoeste do Paraná, viu a demanda por sua plataforma integrada de atendimento inteligente crescer 80% no período da pandemia.

Fabricio Kerber, proprietário da startup, conta que duas soluções estão chamando a atenção das empresas. A de atendimento tem sido requisitada por instituições de ensino superior e empresas ligadas ao setor de saúde, entre outras. A de cobrança tem, entre os clientes, a Boa Vista Serviços (SCPC - Serviço Central de Proteção ao Crédito) e o banco paulista Daycoval, por exemplo. Robôs (chatbots) usam inteligência artificial para promover a comunicação.

Fabricio Kerber, proprietário da startup

“Logo no início da pandemia, tivemos alguns contratos cancelados. Depois, quando as pessoas viram que a quarentena seria prolongada, recebemos muitos chamados. Muito em função do trabalho em home office. Nossa plataforma faz o gerenciamento da comunicação e os colaboradores trabalham com o Whatsapp da empresa, de forma coordenada”, explica Kerber.

A Salt Systems está há 18 meses na incubadora do Parque Tecnológico de Pato Branco e lançou seus produtos em janeiro deste ano. Até aqui, a plataforma registrou 462.230 contatos e 1.435.997 mensagens trocadas. Fabricio Kerber adianta que tem mantido conversas com o Sebrae/PR. Em pauta, orientações sobre linhas de crédito.

 “Sempre tive muito apoio do Sebrae. A intenção é ampliar a empresa (com possível saída da incubadora) e o Sebrae indicou algumas linhas de crédito, inclusive com a possibilidade de carta de aval de Sociedade Garantidora de Crédito. Estou aguardando resposta das instituições financeiras”, pontua Kerber.

“O programa de startups do Sebrae foi construído para preparar os empreendedores para a dinâmica do mercado. A Salt Systems vem se estruturando e, pode-se dizer, era a empresa certa na hora certa. O trabalho do Sebrae é ajudar com capacitações, consultorias e conexões para expansão de mercado”, detalha Elizandro Ferreira, consultor do Sebrae/PR.

Atualmente, a Salt Systems conta com cinco colaboradores. Em função do atendimento restrito por causa da quarentena, a equipe tem se adequado às restrições e trabalhado em home office. O Sebrae/PR também está utilizando a plataforma para agilizar os atendimentos aos empreendedores em todo o Estado.

 

 

Contato para imprensa:
Antônio Menegatti - (46) 99912-9002
Adriano Oltramari – (41) 3330-5895 / (41) 99232-0502