Conquista

Startups do sudoeste do Paraná são selecionadas para o InovAtiva Brasil

Empresas de Pato Branco e Francisco Beltrão integram um dos principais programas de aceleração do Brasil

Três startups do sudoeste do Estado estão qualificadas para o ciclo 2019.1 do InovAtiva Brasil. O programa de aceleração para negócios inovadores realizado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) recebeu mais de 700 projetos. Nesta segunda-feira (15), foi divulgada a lista final, com 105 aprovados - 14 deles do Paraná. Os projetos da LeadFinder e Softfocus, de Pato Branco, e da EdukaMaker, de Francisco Beltrão, são os representantes do Sudoeste. 

As empresas participarão de uma série de conteúdos e atividades exclusivas para o crescimento dos negócios. Estão programadas capacitações em validação da proposta de valor, modelagem financeira, acesso a mercado e a capital e propriedade intelectual, entre outras. 

O programa terá ainda mentorias individuais, coletivas e especializadas, treinamento de apresentações com o Sebrae Nacional e Demoday ao final do ciclo de aceleração, com a apresentação das startups a uma banca de investidores. 

Elizandro Ferreira, consultor do Sebrae/PR, destaca que o InovAtiva é um dos principais programas de aceleração de startups do Brasil. 

“Contar com startups da região ratifica o nível de maturidade do ecossistema de inovação do sudoeste do Paraná. É um número significativo ao analisarmos a quantidade de startups selecionadas no Estado”, diz. 

A LeadFinder, com escritórios em Pato Branco e Dois Vizinhos, é uma das startups sudoestinas selecionadas no InovAtiva Brasil. Há um ano no mercado, a empresa desenvolveu uma ferramenta digital para prospecção de clientes e já é acelerada pela incubadora da Fiep. 

“A concorrência é do país todo. Como somos um negócio digital, estamos buscando apoio para conseguir investimentos e crescer. O InovAtiva Brasil é uma forma de acelerar o crescimento”, detalha Fernando Osmarini, diretor de negócios da LeadFinder. 

Também de Pato Branco, a Softfocus participa com o projeto Proagro Fácil, solução voltada para as instituições financeiras que operam no agronegócio. 

“Durante o programa de pré-aceleração Go to Mkt (uma analogia a go to market, vá ao mercado em tradução livre) do Sebrae/PR, recebemos uma série de informações e mentorias que ajudaram a deixar nosso projeto mais consistente e a diagnosticar quais são os nossos diferenciais competitivos”, revela Alessandro Graczyk Moraes, diretor da Softfocus. 

Já a EdukaMaker, de Francisco Beltrão, é uma empresa de educação e cultura maker (o método de aprender fazendo). 

“O InovAtiva é um dos processos de aceleração mais cobiçados pelas startups. A seleção é motivo de alegria para nós e significa uma barreira rompida. Além de trazer notoriedade para a empresa, esperamos aprender com as mentorias e fazer contato com investidores”, ressalta Henrique Alves Camargo, cofundador da EdukaMaker.

 

 

 

 

Tags: InovAtiva, Startup PR