Finanças

Município de Chopinzinho aporta recursos para pequenos negócios

Programa Crédito Fácil destina R$ 100 mil reais ao fundo garantidor, assegurando R$ 1 milhão em cartas de crédito

A Prefeitura de Chopinzinho e a Sociedade de Garantia de Crédito do Sudoeste do Paraná (Garantisudoeste) formalizaram, na noite desta terça-feira (02), termo de parceria para o aporte de R$ 100 mil reais por parte do município ao fundo garantidor, no programa Crédito Fácil. O valor aportado possibilita até R$ 1 milhão em cartas de crédito para as micro e pequenas empresas. Chopinzinho é o primeiro município do Sudoeste a destinar recursos para a SGC. O anúncio aconteceu na Associação Comercial e Empresarial de Chopinzinho (Acec). 

O prefeito de Chopinzinho, Álvaro Dênis Ceni Scolaro, explica que o objetivo da parceria com a GarantiSudoeste é facilitar o acesso ao crédito. 

“Com o aporte, os pequenos negócios que não têm garantias reais para obter financiamentos poderão contar com cartas de aval junto às instituições financeiras. As taxas serão menores e com condições diferenciadas”, adianta. 

Scolaro espera que a medida tenha resultados em pouco tempo. “Com capital para investimentos, as empresas podem comprar novos equipamentos e contratar mais colaboradores. O retorno é rápido”, analisa o prefeito. 

O dinheiro já está liberado e o limite máximo para cartas de aval é de R$ 30 mil. Os recursos podem ser utilizados para giro ou investimento. O presidente da GarantiSudoeste, Fernando Luís Frank, diz que será oferecida uma linha de crédito atrativa para os empresários chopinzinhenses. 

“Ainda não fechamos com a Administração Municipal qual será o percentual das taxas. Mas, com certeza, a burocracia com aval e para apresentar garantias será menor. O empresário, conforme o cadastro, não necessitará ter avalista ou colocar bens em garantia. O processo é simples, prático e as taxas serão as mais baixas e atrativas”, antecipa Frank. 

Para o presidente da Acec, Mateus Augusto Comelli, a parceria entre Prefeitura e SGC pode impulsionar a economia local. “Sabemos que o crédito, para quem quer muito e sabe o que fazer com ele, faz toda a diferença. É uma conquista para o setor empresarial e pode mudar o rumo dos negócios em Chopinzinho”, vislumbra. 

Cesar Giovani Colini, gerente da Regional Sul do Sebrae/PR, destaca que o aporte de recursos por parte da Prefeitura de Chopinzinho é um fato novo no Sudoeste. 

“As micro e pequenas empresas correspondem a 99% dos negócios formais no Paraná e são responsáveis por 51% da massa salarial, o que justifica sua importância para o cenário econômico e social. Promover o acesso ao crédito é uma das pautas que trabalhamos para melhorar o ambiente de negócios na região Sudoeste”, relata Cesar. 

A solenidade também contou com a participação de Flavio Locatelli Junior, coordenador estadual de Acesso a Serviços Financeiros e Capitalização do Sebrae/PR, que avalia como inovadora a iniciativa do prefeito Álvaro Scolaro. 

“No Paraná, somente 13 dos 399 municípios fizeram aportes a fundos garantidores, já incluindo Chopinzinho. O Estado é referência para o Brasil em sistemas garantidores de crédito e a parceria entre Prefeitura e SGC deverá ter impacto positivo na economia local”, prevê. Locatelli lembra ainda que a medida vem em boa hora. “Nos últimos três anos, o acesso ao crédito para as micro e pequenas empresas caiu 50% no País.” 

Cartas de aval

Com o aporte, os empresários de micro e pequenas empresas de Chopinzinho, após avaliação e aprovação do cadastro, terão 80% do valor garantido via carta de aval da GarantiSudoeste junto às instituições financeiras – as cooperativas de crédito Sicoob e Cresol já estão conveniadas. O valor máximo será de R$ 30 mil. Na região, o tíquete médio nos financiamentos é de R$ 7 mil. 

 
Contato para a imprensa:
Assessoria de Imprensa Regional Sul: Antônio Menegatti - (46) 99912-9002
Adriano Oltramari – (41) 3330-5895

 

 

Tags: SGC, Sebrae/PR